home | empresa | filiais | convenios | vantagens | contato | trabalhe conosco  

Manipulação para o bem: As vantagens de mandar
fazer o remédio sob medida.

Remédios produzidos em farmácias de manipulação, além da óbvia vantagem de a receita ser feita sob medida para a necessidade do paciente, não são necessariamente mais caros que os industrializados. Em alguns casos – certos antiinflamatórios, por exemplo –, podem até sair mais em conta que os genéricos.

Na hora da consulta, perguntar ao médico se é possível fazer o medicamento na farmácia pode representar alguma economia. Outra vantagem do remédio feito sob encomenda é o contato entre farmacêutico e médico, para a troca de informações.

Boas casas do ramo mantêm fichas de clientes, solução prática para quem recorre periodicamente a pomadas ou cápsulas personalizadas. Há áreas, porém, nas quais seu farmacêutico favorito ainda não pode atuar – a de drogas recém-descobertas ou a de novas tecnologias, como certos comprimidos com revestimentos que programam a liberação gradual das substâncias dentro do corpo.

Para Antônio Carlos Zanini, consultor de medicamentos da Organização Mundial de Saúde, a farmácia do futuro será uma mistura das duas, com remédios novíssimos e feitos sob medida. "Para atender a doenças raras e a essa tendência de individualização dos medicamentos, a indústria também terá de partir para a manipulação", afirma.


Fumo X Saúde da Pele

Estudo mostra alterações na pele de fumantes.

Algumas características clínicas podem aparecer na pele dos fumantes, como aumento das rugas e aspecto acinzentado e macilento. O estudo, publicado no Jornal da Academia Americana de Dermatologia, comparou as alterações das fibras elásticas na pele exposta ao sol de fumantes e não fumantes, baseado em estudos anteriores que haviam indicado que a pele dos fumantes tende a desenvolver mais rugas do que a pele dos não fumantes.

Nos pulmões, o fumo causa danos às fibras colágenas e elásticas, que também poderiam ser responsáveis pelas alterações na pele. O estudo foi realizado com pessoas que fumavam cerca de um maço de cigarros por semana e os resultados mostraram um aumento significante nas alterações da fibra elástica (elastose) da pele dos fumantes em comparação à dos não fumantes, concluindo que o hábito de fumar cigarros pode contribuir para o aspecto envelhecido da pele.


Seu coração merece Saúde

Milhares de pessoas sofrem de Hipertensão, ou seja, pressão alta. Esta doença acontece quando a pressão sanguínea permanece elevada.

Pressão arterial é a força que mantém o sangue circulando; ela se inicia com o batimento do coração, o qual joga o sangue pelos vasos sanguíneos (artérias), estas são como tubos elásticos, que se esticam e relaxam a fim de manter o sangue circulando por todas as partes do organismo.

Quando a intensidade do sangue nas paredes das veias e artérias está acima do normal, pode ocorrer o rompimento dos vasos, o que muitas vezes é fatal. Portanto, a hipertensão é uma doença perigosa, geralmente não apresenta sintomas, mas de repente, pode levar a pessoa a sofrer um ataque cardíaco ou um derrame.

Existem vários fatores que podem levar a hipertensão, como: características genéticas, estresse intenso no dia-a-dia, obesidade, sedentarismo, fumo, alimentação rica em colesterol e alimentos fonte de sódio: sal, alimentos embutidos – salame, lingüiça, salsicha e copa – além de outros alimentos industrializados. O sódio é um mineral capaz de aumentar a pressão do sangue, portanto, o seu consumo deve ser controlado.

A hipertensão pode ser prevenida através de hábitos saudáveis, portanto, vamos nos conscientizar desde já, o que uma alimentação rica em sódio pode nos causar e vamos mudar nossos hábitos alimentares.


Estrogênio e raios ultravioleta na lista de
cancerígenos

Relatório traz o elemento usado em tratamentos femininos e anticoncepcionais, além da radiação provocada pelo sol e o bronzeamento artificial.

Um estudo realizado por cientistas norte-americanos revelou que os estrogênios esteróides – tipo de hormônio feminino usado em pílulas anticoncepcionais e em tratamentos contra os sintomas da menopausa – podem causar câncer.

Além dos hormônios, a lista traz ainda a radiação ultravioleta de amplo espectro (URV) – solar ou por bronzeamento artificial.
O estrogênio esteróide e a radiação acabam de entrar para uma relação publicada pelo governo americano sobre os agentes que provocam a doença em seres humanos.

O relatório, baseado em avançadas pesquisas cientificas, não trata dos eventuais benefícios que os agentes podem trazer às pessoas e é atualizado a cada dois anos.

A lista divulgada nesta quarta-feira traz 15 itens que não estavam relacionadas em 2000. Atualmente, o total de elementos considerados cancerígenos “conhecidos” ou “razoavelmente previstos” corresponde a 228 agentes.





Site criado e mantido por Area Zigoto Copyright© 2006 - Biofarma - Todos os Direitos Reservados.